FAIL (the browser should render some flash content, not this).

A Cerrado Corretora Gyn Ltda tem grande experiência na articulação da comunicação no setor de grãos e derivados. Com atuação nos mercados disponível, a termo, primário e secundário de derivativos agropecuários, oferecemos canal de voz e negócios com parceiros comerciais atuantes na Bolsa Brasileira de Mercadorias - BBM e na Bolsa de Mercadorias e Futuros - BM&F . Também estamos ligados eletronicamente ao sistema nacional de leilões, como: Conab – Banco do Brasil – BM&F e BBM.

Contando com relacionamento nacional e internacional junto a industrias, trading companies, armazenadores e agricultores, os negócios por nós intermediados seguem uma linha ética e de boa conduta. Nossos clientes gozam também de ótimo conceito sendo igualmente idôneos.

Através dos trabalhos da nossa equipe e parcerias com empresas e profissionais especializados, oferecemos um trabalho personalizado que atende aos objetivos comerciais específicos. Podemos demonstrar através de sistema com visualização especializada o mercado de algumas commodities, o que facilita o entendimento sobre o universo dos participantes e os respectivos diferenciais de base. Atuamos com transparência e total imparcialidade junto aos traders e companhias, buscando sempre um melhor negócio para os clientes diante do que entendemos sobre a formação de preços dos produtos.

A empresa Cerrado Corretora realiza negociações na mais ampla ética e transparência, em face do setor público envolver um delicado sistema de compras com o dinheiro público. As operações são realizadas através de um sistema integrado e dinâmico denominado SEUP – Sistema Eletrônico Unificado de Pregões.

O SEUP é um sistema eletrônico de comunicação de dados desenvolvidos para apoiar técnica e operacionalmente interessados nas aquisições de bens e serviços através de pregão reverso, com a utilização de recursos da tecnologia da informação, bem como de criptografia e de autenticação, que permite a interligação e a participação simultânea das corretoras de mercadorias associadas à Bolsa e das empresas promotoras nos pregões, bem assim, dos respectivos fornecedores, através dos seus corretores, observadas as formalidades previstas no regulamento e decretos estaduais.

O SEUP é um sistema operacional unificado e arquitetado para pôr frente a frente promotores de licitações sendo públicos ou privados e fornecedores privados em todo o território nacional, aprimorando a sistemática das licitações, operado exclusivamente via Internet e permite a qualquer interessado acompanhar os pregões em tempo real, bem como realizar consultas para obtenção de informações relacionadas aos avisos de compra.

Entre as vantagens deste sistema podemos destacar:

- Transparência e Competição;
- Tecnologia e Eficiência Operacional;
- Utilização do Sistema de Bolsas de Mercadorias.

Trabalhamos com os seguintes produtos

Milho

Milho em grão nacional a granel não transgênico. Padrão até 14% de umidade, 1% de impureza na peneira 3,0 mm, até 6% de ardidos e brotados, livres de insetos vivos e aflatoxina...

   
Soja

Soja brasileira em grãos, a granel, tipo exportação, padrão concex com até 14% de umidade, 1% de impurezas, 8% de avariados, estes últimos com até 5% de ardidos, 10% de grãos verdes e 30% de grãos quebrados....


   
Sorgo

Sorgo a granel – padrão até 13% de umidade, 1% de impureza na peneira 2,2 mm, até 6% de ardidos, isento de insetos vivos, no máximo de 0,5% de ácido tânico.....


   
Trigo

Trigo nacional a granel, ph mínimo de 78 e médio de 80, classe “pão”, tipo 1, 13% de umidade, 1% de impureza, sem tolerância de grãos chochos, avariados, carunchados e triguilhos, isento de insetos vivos ou mortos....


   
Algodão

Fibra têxtil da semente do algodoeiro, planta da família das malváceas, do gênero Gossypium. O algodão é conhecido desde 3.000 anos A.C. Quinze séculos A.C. já se cultiva o algodão na Índia e se fabricava tecidos com suas fibras. Mil anos mais tarde, os chineses teciam panos de algodão. Nessa época, o algodão não era conhecido pelos europeus, que usavam a lã como fibra têxtil comum.
Em fins do século XVIII, os inventos dos ingleses Arkwright e Cartwright (a máquina de fiar e o tear mecânico, respectivamente), assim como o descaroçador mecânico, por Whitney, deram extraordinário impulso à utilização do algodão no século XIX. Em 1801, a indústria de vestuários consumia na Europa 78% de lã, 18% de linho e 4% de algodão. Um século mais tarde, as proporções eram de 20% de lã, 6% de linho e 74% de algodão.
Hoje, o algodão é uma das principais matérias-primas da indústria de tecidos.
Da semente conhecida como caroço do algodão se extrai o óleo de algodão, destinado para alimentação humana.

   

Farelo

Tanto a soja quanto o girassol e o milho são excelentes fontes de nutrientes para os animais. A soja, por causa de seu alto índice de proteína bruta, o farelo de girassol, por ser fonte de proteínas para alguns animais como ruminantes suínos e aves de postura, e o milho, pelo seu maior percentual de carboidratos e potencial energético. Existe um leque de opções de produtos para consumo animal a ser explorando e o que há de melhor em cada um deles...

Soja Desativada

A desativação das enzimas anti-nutricionais (urease e anti-tripcina), através da ação tempo e temperatura, dá origem à soja tratada ou desativada, descomprometendo-a, assim, da ação enzimática e evitando a manifestação de micotoxinas na alimentação animal.

Processo

· Controle de Pressão

· Cozimento dos Grãos (T 60ºC à 104ºC)

· Controle de Umidade

· Extração do Oxigênio atravéz do vácuo

· Produto Final

Farelo Integral

Farelo Integral de Soja é um produto da soja desativada, através de um processo de moagem.

Processo

O processo de desativação da soja pode ser usado, também, como outros tipos de grãos e se constitui no controle de pressão, cozimento dos grãos, controle de umidade e extração do oxigênio atravéz do vácuo.

Vantagens da Soja Desativada e do Farelo Integral de Soja

· melhora da palatabilidade

· melhora da digestibilidade

· alto valor energético

· mistura mais homogênea do que farelo + óleo

· melhora do ganho de peso

· melhora da conversão alimentar(C.A.)

· melhor custo-benefício em relação ao farelo de soja

· diminuição de fungos

· evita a proliferação bacteriana

· reduz micotoxinas

· facilita a peletização das rações

Características

COMPOSIÇÃO
SOJA IN-NATURA
FARELO DE SOJA
SOJA DESATIV. FAR. INTEGRAL
Umidade
13,00%
12,00%
12,00%
Proteína Bruta
34,00%
44% a 46,00%
36,00% Min.
Solubilidade em KOH 2%
94,80%
79,40%
80,00% Min.
Extrato Etéreo
20,50%
1,38% a 1,70%
20,00% Min.
Matéria Mineral
4,6%
4,9% a 6,6%
4,6% a 4,8% Max.
Fibra Bruta
5,8%
4,5% a 6,6%
6,0% Max.
Atividade Ureática
2,8%
0,15%
0,20% Max.
Indice de Peroxido
1,0%
0,9%
0,5%
Fonte: Manual SINDIRAÇÕES
#
Principal   |   Empresa   |   Serviços   |    Parceiros   |   Contato  
© Copyright. Cerrado Corretora de Mercadorias e Futuros. Todos os direitos reservados. Fone: +55 62 3095-1071.
Desenvolvido por